Skip to content
Plantas de Casas


Tricotin

O universo do artesanato é amplo e  com o passar dos anos ainda está presente nas principais tendências, trazendo inovações em cada época. Atualmente, o que vem se popularizando é o tricotin.  

Pode ser que por este nome você não assimile ao que é, mas sabe aquele chapéu de praia personalizado com seu nome ou com outra palavra?! Pois bem, esse escrito é o tal do tricotin.

Além de fazer sucesso na cabeça, também é bastante procurado para decoração de ambientes, festas, entrada de maternidade, entre outras muitas opções.

Tricotin flor

O que é tricotin?

O tricotin é utilizado desde o século passado no exterior, é algo de muito sucesso por lá e recentemente ganhou seu espaço no Brasil. Ele é originário de um erro de sua criadora Elizabeth Zimmermann, inglesa renomada no ramo do tricô. 

Também denominado de icord ou rabo de gato, trata-se de uma técnica que consiste em um arame  encapado com um tubo de tricô ou crochê. Por conta do arame torna – se maleável e firme o suficiente para dar corpo e sustentabilidade  a palavras e diversos formatos.

Tricotin

Como fazer tricotin

Existem diversos métodos de como fazer o tricotin. O método tradicional e mais utilizado é feito em um tear de madeira circular  com quatro pregos ao meio, formando uma espécie de um quadrado, com a ajuda de uma agulha de crochê para tecer.

Quanto ao material utilizado, o ideal é que seja feito com fios mais grossos como lã e fios de barbante, isso ajuda também na sustentação da arte. 

Para quem pode investir, há no mercado a máquina de tricotin, que se utiliza do mesmo método que o tear, porém com uma manivela e um sistema que o produz sozinho, sendo necessário apenas girar a manivela para que o tricotin seja feito. 

Através da máquina é possível que a arte seja produzida de forma mais rápida, otimizando a entrega de encomendas  e consequentemente você lucra mais. 

Se caso você não dispor de condições para a aquisição do tear ou da máquina, saiba que ele pode ser feito em um agulha de tricô. Isso mesmo, o custo dela é baixo,  e além do tricotin, você pode diversificar seus produtos com peças feitas em tricô.

Nomes em tricotin

Tricotin Tricotin

Uma das tendências em tricotin que está em alta são os nomes. Seja para utilizar em decoração de chapéu como em aniversários, saber fazer esta arte é fundamental. Veja a seguir como fazer:

  1. Em uma folha sulfite, escreva o nome no tamanho e formato desejado;
  2. Com o arame em mãos, molde – o sobre o escrito da folha;
  3. Após moldá – lo, encape o arame com o tricotin na cor desejada, começando em uma das extremidades;
  4. Com o nome todo encapado, corte o fio que sobrar e o arremate nos últimos quatro pontos. 

Deixe sua criatividade trabalhar, além do nome, você pode acrescentar algum desenho para dar um charme a mais, como por exemplo corações,flores, nuvens, carrinhos, entre outros. 

Artes 

Como dito no início deste artigo, o tricotin é algo versátil e graças a sua flexibilidade em ser moldado, faz com que possa originar diversos tipos de artes, ampliando assim o leque de possibilidades. 

Com uma grande variedade de artes a serem feitas, confira algumas ideias do tricotin:

  • Entrada de maternidade
  • Decoração de festa de aniversário, casamentos
  • Acompanhamento de mêsversário para bebês
  • Decoração em bolsas e chapéus
  • Decoração de bolo de aniversário
  • Enfeites para árvore de natal
  • Lembrancinhas
  • Porta – retratos
  • Mural de fotos

arte em tricotin arte em tricotin arte em tricotin

Como fazer tricotin caseiro 

Para fazer a arte caseira utilizando o tear basta acompanhar o passo a passo a seguir:

  1. Escolha o fio e em seguida deixe uma ponta sobrando ao meio do tear;
  2. Passe o fio em volta dos pregos formando um ‘e’;
  3. Em seguida, passe o fio em torno dos pregos;
  4. Com a ajuda de uma agulha de crochê, puxe o laço do ‘e’ para cima do fio que contornou o tear;
  5. Repita esse processo até que alcance o comprimento desejado;
  6. Para arrematar o cordão, retire – o do tear e corte o fio;
  7. Passe esse fio por dentro de quatro pontos e puxe – o;
  8. Dessa forma, o cordão fica fechado;
  9. Finalize com um nó e corte o fio que ficar em excesso. 

Além do tear, como mencionado em um tópico anterior, outro método caseiro e barato de confeccionar é por meio de agulha de tricô. Para tal feitio,  é só acompanhar o passo a passo a seguir:

  1. Coloque quatro pontos na agulha;
  2. Passe o ponto de uma agulha para a outro em ponto tricô;
  3. Volte o ponto para a outra agulha e repita o processo até que atinja o tamanho desejado.

 

Como fazer tear caseiro 

Caso você esteja tão ansioso para começar a produzir e não quer esperar para comprar, faça o seu próprio tear em casa. Parece difícil? Que nada! Com poucos materiais você o terá em mãos.

Para isso, será necessário um carretel de linha vazio, um fio de arame no tamanho 16 ou mais fino, fita crepe e alicate.

Comece cortando quatro fios de arame com 8cm cada. Dobre cada fio formando uma alcinha, deixe a parte da dobra mais apertada, use a alicate para isso. Cole a alcinha no lado externo do carretel com a fita crepe.

A segunda alcinha deve ser colocada bem em frente a primeira, a terceira entre as duas e a última, em frente a terceira, formando assim um quadrado. Reforce o carretel com mais uma volta de fita crepe.

Agora, com a alicate, dobre cada alcinha para fora, levemente. E pronto, seu tear já pode começar a trabalhar. 

Quer aprender a fazer tricô profissionalmente? Não perca a oportunidade e clique no link a seguir:

curso trico

Curso de Tricô